Meu orgulho e a minha paixão.

A NOSSA ARTE

Imagino a Saraiva dos seus primeiros cantos. Simples e vazios de ornamentação até o imprescindível lá pelo início do século XIX. Puxei a imaginação pela mão dois seculos mais e transformei a simplicidade dos cinzentos na sensibilidade da cor.
Relembro inalteradas estórias da Saraiva cheia de flores, ovinhos quentinhos das galinhas generosas, de verdes profundos e infinitos azuis. Escuto imagens passadas de gritarias infantis a ecoar nas pedras dos caminhos, de avós trabalhadores a acordar cedo e voltar a tardinha para mesas apertadas de família impaciente a esperar as refeições das bondosas avôs.
Saraiva estica de paredes e quartos no tempo e as correrias das crianças transformam-se em passos de feliz reencontro. Ainda gostamos de gritar nos terraços da casa para nos convocar ao almoço, aos copos, aos convívios, para nos juntarmos ver o verde-azul eterno e os românticos por do sol.
Queria as cores externas da minha Saraiva a morar dentro de casa como residentes destemidos, aconchegados de luz…e então dispersei peças originais de artistas para nos olharmos e acompanharmos.
Quero que o sentimento de ficar na Saraiva revele a arte como um grande criador de beleza, nas suas formas, bordados, esculturas e pinturas a participar nos tons da paisagem. Quero amostrar a beleza das coisas belas para ficarem penduradas por sempre num canto da alma e do pensamento das vossas lembranças na Saraiva e Madeira.
Queremos que sintam a perfeição de partilhar a beleza.
Estou a começar uma pequena coleção na Saraiva com pinturas, bordados e esculturas de celebrados artistas madeirenses, portugueses e estrangeiros … Todas as peças com uma história de arte para ser contada aos olhos dos expectadores pelos seus criadores.
A Saraiva é a essência do amor pelo que se faz. Meu orgulho e a minha paixão.
Graciela Figueira
Quinta da Saraiva


0bras de Arte no R/C





  • José Cunha

    José Cunha

    Pintura #1
    Nasceu no Porto, Portugal. Engenheiro de formação. Veio descobrir a pintura aos 39 anos como forma de expressão. A sua pintura reflete a geometria, a forma, o equilíbrio e a balança da cor.
    Várias exposições e concursos internacionais fazem de José Cunha um marco da pintura portuguesa deste século.
  • José Cunha

    José Cunha

    Pintura #2
    Nasceu no Funchal, Portugal. Autodidata. Considerado um dos melhores pintores e escultores da Madeira. Artista de grande originalidade e criatividade. Tem esculturas e pinturas expostas no centro do Funchal e Cidade Velha além de outras cidades de Portugal.
    Várias exposições individuais e por entre as suas viagens tenta deixar um marco da sua forma de ver o mundo através da arte.
  • Azulejos portugueses

    Azulejos portugueses

    Azulejos portugueses #3
    O azulejo e uma das expressões mais impactantes e de maior valor da cultura portuguesa.
    Existe em Portugal há mais de 500 anos como elemento decorativo e arquitetónico. Chegou a península ibérica pelas mãos dos árabes. Durante o século XIII e ao longo de épocas foi se ajustando à realidade portuguesa , retratando costumes sociais , epopeias militares e atos religiosos. Longos séculos depois ainda conta a história de conventos, praças , igrejas e palácios de Portugal.
  • Giovanni Huber

    Giovanni Huber - “Camara de Lobos”

    Pintura #4
    Pintor e escultor italiano. Viajante do mundo. Numa das suas viagens a ilha de cabo verde resolveu criar diversas esculturas com o lixo espalhados em pilas intermináveis. Com humor e cinismo, metaforicamente, retrata a decadência social e a condição humana. Huber tem um estilo inconfundível que torna a seriedade da sua exposição em arte lúdica.
  • Aleksandr Derkach

    Aleksandr Derkach - “Girl with a Peach”

    Pintura #5
    Nasceu na Sibéria. Formou se em psiquiatria. Concilia a sua vida com visitas regulares e frequentes a ilha da madeira. Esteve presente em várias exposições internacionais e coleções privadas. A sua arte revela a complexidade humana do ser e a sua questão existencial.
  • Pedro Santos

    Pedro Santos

    Pintura #6 & 7
    Nasceu em Portugal. Estes registos pictóricos foram adquiridos num leilão de arte em lisboa em 2019.
  • Artista desconhecido

    Artista desconhecido

    Pintura #8
    Herança que pertence a família há muitas décadas.
Ponto Richelieu, Garanitos, Ponto de Corda e Folhas Fechadas
Ponto Richelieu, Garanitos, Ponto de Corda e Folhas Fechadas
Ponto Arrendado, Bastidos, Richelieu, Caseado
Ponto Arrendado, Bastidos, Richelieu, Caseado
Ponto Arrendado, Bastidos, Richelieu, Caseado
Ponto Arrendado, Bastidos, Richelieu, Caseado
Richelieu, Caseado, Folhas Fechadas
Richelieu, Caseado, Folhas Fechadas
Richelieu, Caseado, Folhas Fechadas
Richelieu, Caseado, Folhas Fechadas
Ponto de Corda, Caseado, Garanitos Pau, Folhas Fechadas
Ponto de Corda, Caseado, Garanitos Pau, Folhas Fechadas
Richelieu Olhos Abertos, Folhas Fechadas, Garanitos
Richelieu Olhos Abertos, Folhas Fechadas, Garanitos
Richelieu, Ponto de gorda, Bastidos e Ponto trás
Richelieu, Ponto de gorda, Bastidos e Ponto trás
Richelieu, Garanitos, Ponto Trás, Canelas Abertas e Caseado
Richelieu, Garanitos, Ponto Trás, Canelas Abertas e Caseado
Richelieu, Garanitos, Ponto Trás, Canelas Abertas e Caseado
Richelieu, Garanitos, Ponto Trás, Canelas Abertas e Caseado

Bordados Madeira

O Bordado Madeira está presente na nossa ilha desde o seu povoamento no séc. XV. Este conhecimento é passado de geração em geração até os dias de hoje. E no final do séc. XIX que esta arte é reconhecida, comercializada e exportada. O rigor, a paixão e a técnica inerentes a produção do Bordado Madeira contam já com 150 anos de história. Há 100 anos havia cerca de 50.000 bordadeiras e bordadeiros de todas as idades na nossa ilha.
O bordado faz parte da cultura e história dos madeirenses. Tal como sucede com o vinho, e uma das marcas que os identifica. A sua presença ultrapassa as barreiras naturais do arquipélago para se postar em rica cama ou mesa. A maioria das vezes foi executado em meio pobre mas quase sempre solicitado para casa nobre. Era trabalho de inestimável valor que por isso mesmo não podia ser vendido. Apenas para usufruto familiar, prenda de enxoval ou legado por morte.
Por muito tempo o bordado foi considerado um produto não vendável, que raramente saia do circuito familiar.
Durante décadas esta arte fez parte do quotidiano das famílias da Madeira, e hoje, espalhadas por toda a ilha, ainda podemos encontrar as mulheres do bordado que repetem os pontos com muita emoção. São horas a fio cobrindo as linhas azuis estampadas no algodão, linho ou organdi criando peças de altíssima qualidade e beleza.
Lastimosamente é uma técnica que as novas gerações não querem continuar e por tanto o bordado corre o risco de desaparecer num futuro próximo.


Obras no Primeiro Andar





  • Elisa Meira

    Elisa Meira

    Pintura #10
    Nasceu em Lisboa. Formou-se em Produção Artística na Escola António Arroio com especialização em cerâmica e pintura na Faculdade de Belas-Artes da Universidade de Lisboa. Varias exposições individuais e coletivas em Lisboa e Paris fazem de Elisa uma admirada jovem artista portuguesa.
  • Renata Domagalska

    Renata Domagalska

    Pintura #11
    Nasceu na polônia. Formada na Academia de Artes em Poznan. As suas pinturas têm sido exibidas em variados eventos artísticos por toda a Europa. A sua obra tem sido admirada e adquirida por colecionadores de arte particulares de todo o mundo
  • Cabi

    Cabi

    Pinturas #12 & 13
    Cabi é o pseudónimo artístico de Carolina Fernandes. E um dos melhores jovens talentos artísticos da Madeira. Nasceu e vive agora no Funchal. Estudou artes plásticas em Caldas da Rainha. A sua linguagem estética é o corpo, a sua forma de comunicar. Há mais de 7 anos consecutivos que estuda e cria explorando este conceito no seu próprio corpo. Várias exposições coletivas e individuais a nível nacional. Lidera projetos na RA Madeira como curadora de exposições, projetos coletivos, fanzines… concilia a sua arte num espaço muito cosmopolita no Funchal, o Restaurante “Well.com” , onde diversos acontecimentos musicais, poéticos e teatrais convivem com a boa mesa.
  • Lena Gal

    Lena Gal - "The Books"

    Pintura #14
    Nasceu nas ilhas dos Açores. A sua pintura vem de vivências e memórias da ilha onde nasceu, ao universo feminino, mulheres da terra, mulheres Terra Mãe e a força vulcânica. E uma pintura de comunicação emocional e da importância do feminino. Tem um trabalho notável em várias exposições coletivas e individuais mundiais.
Turismo de Portugal
Discover Madeira
World Travel Awards
Quinta da Saraiva

Address

Caminho da Saraiva, 18
9300-046 Câmara de Lobos

Phone

+351 291 146 660

The best way to meet Madeira Island is book at Quinta da Saraiva Hotel. This Hotel is the best hotel in Câmara de Lobos. It is a Boutique Hotel that can provide the best accommodation in Câmara de Lobos. Book your stay at Câmara de Lobos in our rural hotel. The hotel have 5 types of room and suite, all of them at the best price for your accommodation in Câmara de Lobos. A rural hotel with the best accommodation. It is a new Hotel in Câmara de Lobos and have a rural environment. All our rooms at Quinta da Saraiva, have a single personality. Quinta da Saraiva Hotel is the best accommodation in Madeira Island. Câmara de Lobos is a fantastic village with traditions. Our hotel provide several activities and you can count with guide tours. All our rooms have air-conditioned and our rural hotel have a fantastic view to Câmara de Lobos. A melhor maneira de conhecer a Ilha da Madeira é reservar no Hotel Quinta da Saraiva. Este hotel é o melhor hotel de Câmara de Lobos. É um Boutique Hotel que pode oferecer o melhor alojamento em Câmara de Lobos. Reserve a sua estadia em Câmara de Lobos no nosso hotel rural. O hotel possui 5 tipos de quartos e suítes, todos com o melhor preço para o seu alojamento em Câmara de Lobos. Um hotel rural com os melhores quartos. É um novo hotel em Câmara de Lobos e possui um ambiente rural. Todos os nossos quartos na Quinta da Saraiva, têm uma personalidade única. O Hotel Quinta da Saraiva é o melhor alojamento da Ilha da Madeira. Câmara de Lobos é uma vila fantástica com tradições. O nosso hotel oferece diversas atividades e você pode contar com visitas guiadas. Todos os nossos quartos têm ar condicionado e nosso hotel rural oferece uma vista fantástica para Câmara de Lobos.